Tablog

Categoria : #prontofalei

Game Diablo 3 vira prova de admissão em empresa; UOL traz apostila
Comentários 6

Editor do UOL Tabloide

Aí está a tal prova de admissão

Não basta saber outro idioma, ter feito cursos de pós-gradução, ter estudado fora do país e fazer trabalho voluntário. As empresas estão pedindo cada vez mais requisitos.

Uma agência de publicidade de Israel vai contratar um programador com base no seu desempenho no game Diablo 3.

Quem estiver interessado na vaga, deve jogar o game às quartas, às 20h, junto com o CEO da empresa. Se você mandar bem, bingo, é contratado.

Quer ajuda para passar? O pessoal de UOL Jogos fez um guia do… digo, uma apostila de estudos para quem quiser se dar bem neste difícil exame.

 

 


UOL Tabloide inventa novos sabores para comemorar o Dia da Pizza
Comentários COMENTE

Editor do UOL Tabloide

Pense em algo. Com certeza existe um dia de comemoração disso aí que você pensou. Hoje, 10 de julho, por exemplo, é o dia da pizza. A data foi criada em 1985, pelo secretário de turismo de São Paulo. Naquele ano, ocorreu um concurso estadual que elegeria as 10 melhores receitas de mussarela e margherita.

Pizza de frango com catupiry é coisa do passado

Hoje em dia, 27 anos depois, nós, brasileiros que não desistimos nunca, adoramos dizer que vivemos no país onde tudo acaba em pizza.

Por isso, o UOL Tabloide resolveu inventar novos sabores de pizza (meio indigestos) para estes tempos modernos:

Meia Demóstenes/Meia Cachoeira
Os ingredientes desta pizza dependem do cliente. Se forem amigo do dono (e pagarem um pouco a mais) recebem o que há de melhor. Do contrário, a pizza vem com ingredientes estragados. Faz bastante sucesso no Senado, mas pode ser cassada do cardápio.

Meia Tchu/Meia Tchá
A favorita do Neymar. É feita com ingredientes populares, baratos e enjoativos.

Meia Quero ver na Copa/Meia Quero ver nas Olimpíadas
Vem com queijo, massa de tomate e alguns ingredientes bem brasileiros. Todos superfaturados. Demora para ficar pronta e chega na mesa incompleta.

Meia Bruno/Meia Macarrão
Essa pizza vem meio quebrada no meio, com ingredientes misturados dos dois lados. Dizem que o segredo dessa pizza é que ela é feita com muito amor.

Meia Lula/Meia Maluf
Essa daqui é feita com frutos do mar de uma lado e kafta do outro. Aparentemente parece que não combinam, mas experimente misturá-las para você ver. Para alguns, fica uma delícia. Para outros, fica indigesta.

Meia Boca/Meia Timão
Mistura churrasquinho de gato e doce de leite argentino. Vendida tanto em São Paulo quanto em Buenos Aires.

Meia restituição/Meia férias
Uma das pizzas favoritas de todo o brasileiro. É uma delícia. Pena que demore tanto para ser feita e que acabe tão rapidinho.


Quer ver mulheres bonitas ficarem bizarras? O UOL Tabloide te ensina!
Comentários COMENTE

Editor do UOL Tabloide

Caros internautas… é muito simples!

Você precisa de um aspirador de pó. De preferência um que não só aspire, mas também EXPIRE.

Aí é só você “expirar” toda a beleza do rosto de algumas lindas voluntárias.

Fácil? Difícil? Não entendeu ainda? Bem, aprenda com este vídeo: =)

Mangueira de ar deixa garotas com caras e bocas divertidas

 

Gostou? Então aproveita e dê uma conferida nos melhores momentos:

Uma coleção de fotos que te deixará de boca aberta

Veja Álbum de fotos


Férias: Fuga da realidade na Disney não é mais uma realidade
Comentários COMENTE

Editor do UOL Tabloide

As férias estão aí!

Claro que, as férias de julho são para poucos (leia-se estudantes, cof-cof), mas ainda sim todos podem sonhar com elas.

Tem gente que quer passar esses 30 dias na praia, na piscina, ou até no interiorzão. Outros já planejam um pulinho na Europa, umas comprinhas em Nova York, um solzinho em Bali…

Digamos que você, caro ou cara internauta, queira ir para a Disney. E lá você quer fugir da realidade… ter tudo na mão… esquecer que existe poluição, chefe, trânsito…

EPA! Acho que não é bem assim! Vamos mudar de planos? Assista o vídeo abaixo e entenda:

 

Esquilo intrometido provoca trânsito na Disney e é aplaudido


UOL Tabloide não é sério, mas é verdade. E o DF, que é verdade mas não é sério?
Comentários COMENTE

Editor do UOL Tabloide

Alguma coisa está fora da desordem habitual de Brasília. Senão vejamos: nesta quinta-feira (31), você leu aqui que um ladrão de lá sumiu com um vibrador de ouro de R$ 8.000, deixando na mão algum ricaço ou ricaça.

Aí você lembra que isso aconteceu um dia após acharem uma calcinha perdida na Câmara. A peça de roupa, aliás, sumiu logo depois de aparecer, o que não é nada difícil quando se trata de políticos. Com certeza o dono, a dona, da tal lingerie não deu… pela falta da lingerie até ser tarde.

Depois vem um deputado dizer “não me meça pela sua régua” e engrossar com o Demóstenes, que inaugurou o falus interruptus, ao se recusar a falar à CPI do Cachoeira.

Definitivamente, o DF está f…icando cada dia mais impublicável.

(por Fabrício Calado, Editor do UOL Tabloide até que se prove seu envolvimento no escândalo de desvio de verbas para a compra de cachorros-quentes pra festa junina do Uol; em sua defesa, ele afirma que a culpa de tudo é do estagiário)


CPI do Cachoeira exclusivo
Comentários COMENTE

Editor do UOL Tabloide

Confira imagens inéditas dos momentos mais incisivos do depoimento do bicheiro à comissão:

“O senhor está sendo bem tratado na prisão?”, pergunta senador

CACHOEIRA:

Deputado Fernando Francischini (PSDB-PR) questiona contratos entre Cachoeira e a Delta e se ele aceitaria proposta de delação premiada.

CACHOEIRA:

O relator da CPI, Odair Cunha (PT-MG), esclarece os motivos da convocação de Cachoeira e questiona quais os ramos de atividades em que Cachoeira atua

CACHOEIRA:

“Quais negócios de seu interesse foram tratados com secretários de Agnelo Queiroz?”, questiona senador

CACHOEIRA:

Cunha questiona se Cachoeira falaria se a sessão fosse secreta

CACHOEIRA:

O relator Odair Cunha (PT-MG) questiona a relação de Cachoeira com diversas empresas, entre elas a Delta

CACHOEIRA:

Depois não querem que digam que a CPI começa a fazer água!
(Obs: leia mais sobre a CPI aqui)


E se Chuck Norris tivesse descoberto o Brasil?
Comentários COMENTE

Editor do UOL Tabloide

O Pedro Álvares Cabral do UOL Tabloide

Fizemos uma pesquisa para saber quem, você, internauta do UOL Tabloide, gostaria que tivesse descoberto o Brasil, no lugar do português Pedro Álvares Cabral. Por medo de uma reação violenta, a maioria dos leitores votou em Chuck Norris.

Então, decidimos imaginar como seria o descobrimento do Brasil por Chuck Norris.

Como todos sabem, Chuck está entre nós desde o início dos tempos e deve ficar até o final do mundo também. Afinal, a morte não é louca de se meter com um cara desses.

Em abril de 1500, Chuck Norris chegou ao Brasil. Mais precisamente à Bahia. Claro que ele não veio em uma caravela. Isso é coisa de navegador português. Chuck veio a nado, diretamente dos Estados Unidos.

Quando chegou à praia, todo molhado, viu que um grupo de portugueses já estava no local. Chuck acabou com eles apontando o dedo e dizendo “bang”.

Assustados com o poder daquele sujeito, os índios que ali viviam passaram a colaborar rapidinho com Chuck, que virou cacique de toda a terra.

Para ele, não teve essa história de capitanias hereditárias ou tratado de Tordesilhas. Todo o território do que é hoje o Brasil foi conquistado no grito.

Para deixar bem claro o que era terra dele e o que ele não queria ter e, por isso, daria para os espanhóis, Chuck riscou o contorno do Brasil no dedo, indo a pé, em sentido horário, do Rio Grande do Sul ao extremo do Amapá. Toda a viagem demorou cerca de 10 minutos.

Chuck precisava povoar aquele país imenso, afinal, era muita terra para pouco índio que vivia ali. Rapidamente, o conquistador do Brasil convocou todas as índias e declarou que todas seriam suas mulheres.

Em poucos anos, a população do Brasil cresceu enormemente. Como todos os habitantes eram descendentes de Chuck Norris, o país se desenvolveu próspero e se tornou a grande potência mundial de todo o universo.


Descoberto o segredo do Japão
Comentários 2

Editor do UOL Tabloide

Existe algo especial nos japoneses. É quase inexplicável como eles conseguem se organizar e produzir coisas que nenhum outro povo do mundo seria capaz. Mesmo os descendentes levam a fama de disciplinados e inteligentes.

Mas, qual seria o segredo deles? A foto acima explica muito. Existe uma tradição local que diz que bebês que choram bastante crescem saudáveis. Por isso, existe uma espécie de campeonato de chorô de bebês, em um templo budista em Tóquio.

Nesta competição, os bebês contam com a ajuda desses lutadores gigantes de sumô, para chorarem ainda mais. É isso. Só pode ser isso. Minha mãe nunca deixou eu ser carregado por lutadores do sumô para eu chorar. Por isso, hoje, em vez de multitrilhardário, eu sou apenas o Editor do UOL Tabloide.